Ação Social faz apelo por novas doações de alimentos nos postos distribuídos pela cidade

A Secretaria Municipal de Ação da Prefeitura, está reiterando o apelo a comunidade para que continue contribuindo com a doação de alimentos nos postos distribuídos pela cidade, como forma de atender pelo menos parte das centenas de pedidos que recebe diariamente. Até essa semana mais de 2 mil cestas básicas foram montadas a partir das doações já recolhidas, informa a secretária de Ação Social, Eliete Neves, mas o grau e o nível das dificuldades de muitas famílias tem aumentado na medida que a crise da pandemia continua.

De acordo com as informações, as razões alegadas pelas pessoas que tem encaminhado seus pedidos são as mais diferentes: o pai de família que perdeu o emprego, o auxílio emergencial que não conseguiram retirar, o informal que não está conseguindo vender os seus produtos porque o número de consumidores desapareceu das ruas. Enfim, são situações críticas e que tendem a se agravar caso não haja uma retomada das atividades.
Doações

Com o auxilio do Fussol (Fundo de Solidariedade) e empresas dos diferentes ramos, as pessoas em condições podem destinar alimentos não perecíveis e deixar nas caixas de coleta com identificação em diversos locais. As redes de varejões Irmãos Patrocínio e Rafas é uma delas, mas existe também a rede de farmácias Droga Farma, Shopping, Savegnago e outros estabelecimentos.

Para aquelas pessoas que isoladamente estão organizando arrecadações, a Secretaria de Ação Social pede que enviem a lista do quantitativo conseguido e pessoas ou entidades a quem destinou (e-mail alimentos@franca.sp.gov.br), para que seja feito um controle e não ocorra duplicidade na destinação das doações das cestas básicas.

Foto: Ilustrativa/Divulgação

Sobre o autor

Posts Relacionados

Deixe um comentário

*