Como fazer para pedir a senha de WI-FI na casa dos outros – por Claudia Matarazzo

Se você é daqueles que mal chega no lugar e já confere onde tem tomada para carregar seu celular e vai perguntando pela senha antes mesmo de sentar no sofá – pense melhor e segure a onda. Acredite: há que se incomode e muito em fornecer a senha de Wi Fi de sua casa para a visita.

O motivo? Simplesmente porque senhas são pensadas para permanecerem secretas, ou pelo menos quase, de modo que, salvo se tiver muita intimidade evite pedir a senha – use seus dados e pronto. Preciosismo? Nem tanto.

Pense comigo: muita gente tem como senha apelidos carinhosos, datas significativas e outras coisas que dizem respeito somente a elas aí vem uma pessoa que nem é tão amiga e pergunta qual a senha. E, ao ouvir a resposta, ainda pergunta: “CasaLola?! mas Quem é Lola?”.  Já vi acontecer. E percebi o quanto a pergunta incomodou o dono da casa – não porque tivesse nada a esconder mas talvez, simplesmente, porque tendemos a usar referências preciosas e afetivas das quais nos lembramos como senhas…

Em visita profissional – no escritório de clientes, a coisa não é tão rigorosa – uma vez que existe para isso a rede para visitantes, normalmente aberta mas na casa dos outros? Só se for muito amigo ta?


por Claudia Matarazzo – jornalista & Escritora

Jornalista e Especialista em etiqueta e comportamento. Viaja por todo o Brasil, ministrando palestras e workshops na área do comportamento. Autora de 18 livros sobre comportamento, moda e inclusão social, ganhou o Premio Abril de Jornalismo.

Fonte/Crédito: http://www.claudiamatarazzo.com.br
Fotos: Ilustrativas/Divulgação

Sobre o autor

Posts Relacionados

Deixe um comentário

*