Franca Shopping participa da Hora do Planeta

Hora do Planeta

Ação de conscientização acontece neste sábado, dia 24 de março, às 20h30 – (Imagem: Ilustrativa/Divulgação)

Como forma de conscientização sobre as mudanças climáticas, o Franca Shopping participa da Hora do Planeta, promovida pela WWF Internacional, que acontece neste sábado, dia 24, às 20h30.

O empreendimento desligará os tótens externos do estacionamento, com os logotipos do Franca Shopping, durante 60 minutos. Vale lembrar que a prática não interfere no funcionamento das operações.

A Hora do Planeta é um movimento anti-aquecimento global, realizada desde 2007, com o intuito de conscientizar sobre as causas e as consequências das mudanças climáticas. O ato simbólico está em sua 11ª edição e tem o apoio de vários países e a cooperação de centenas de milhares de pessoas em todo o mundo.

Além de alertar a população para as causas e consequências do aquecimento global, a Hora do Planeta também tem o intuito de alertar sobre a necessidade de conservação e recuperação de ecossistemas e da adoção de hábitos mais sustentáveis no dia a dia através do princípio dos “cinco erres”: reciclar, reduzir, reutilizar, responsabilizar e respeitar.

Sobre o WWF-Brasil

O WWF-Brasil é uma organização não-governamental brasileira dedicada à conservação da natureza com os objetivos de harmonizar a atividade humana com a conservação da biodiversidade e promover o uso racional dos recursos naturais em benefício dos cidadãos de hoje e das futuras gerações

O WWF-Brasil, criado em 1996 e sediado em Brasília, desenvolve projetos em todo o país e integra a Rede WWF, a maior rede independente de conservação da natureza, com atuação em mais de 100 países e o apoio de cerca de 5 milhões de pessoas, incluindo associados e voluntários.

Atualmente, o WWF-Brasil executa dezenas de projetos em parceria com ONGs regionais, universidades e órgãos governamentais. Desenvolve atividades de apoio à pesquisa, legislação e políticas públicas, educação ambiental e comunicação. Além disso, há também projetos de viabilização de unidades de conservação, por meio do estímulo a alternativas econômicas sustentáveis envolvendo e beneficiando comunidades locais.

Sobre o autor

Posts Relacionados

Deixe um comentário

*