Labareda entra na guerra contra o coronavírus e doa 350 kg de café, cestas básicas e cede equipamentos

Doações devem beneficiar entidades assistenciais e grupos organizados de ajuda

Gabriel Lancha Alves Oliveira (diretor comercial e financeiro) e Rogério Gervaso, colaborador da Labareda – (Foto: Divulgação)

 A Café Labareda, produtora de cafés especiais, está participando do combate ao coronavírus, que vem assolando o mundo desde o final do ano passado. Consciente da necessidade e de sua responsabilidade social, a empresa anunciou ontem, terça-feira, dia 7, a doação de 350 kg de café para entidades assistenciais. Além disso, também está doando cestas básicas a famílias com dificuldades financeiras e cedeu seu caminhão-pipa para a desinfecção de ruas em cidades da região.

O diretor comercial e financeiro da empresa, Gabriel Lancha Alves Oliveira, disse que a Labareda sempre se destacou por ter responsabilidade social. “Há mais de 12 anos, já promovemos a Gincana Intermunicipal pelo Meio Ambiente, que é uma ação voltada à educação de crianças e adolescentes. Agora, em meio a uma situação tão preocupante causada pela disseminação do coronavírus, não poderíamos ficar parados”, disse.

Segundo a conselheira da Labareda, a empresária Flávia Lancha, parte do café doado já tem destino certo. “Vamos encaminhar 50 quilos para o grupo Rede de Solidariedade, que tem organizado a doação de cestas básicas para famílias carentes. Outros 30 quilos vão para outro grupo de doação também em atividade aqui na cidade. Além disso, também doaremos 50kg ao Hospital Allan Kardec”, disse. As entidades e grupos que receberão o restante ainda estão sendo definidos.

Quanto às cestas básicas, elas estão sendo distribuídas pela empresa diretamente às famílias. “Temos recebido muitas solicitações. A situação da população mais carente e que sobrevive de trabalho informal é muito grave. Precisamos que todos os empresários se conscientizem e também façam sua parte”, disse Gabriel.

Além das doações, a Labareda vem, desde o mês passado, cedendo equipamentos e seu caminhão-pipa às prefeituras de cidades da região para o trabalho de desinfecção de ruas e logradouros públicos. Todo o trabalho de logística e auxilio no empréstimo do caminhão é desenvolvido pelo diretor agroindustrial da Labareda, Lucas Lancha Alves Oliveira.

“Estamos fazendo nossa obrigação. Neste momento delicado, temos que ajudar”, disse a empresária Flávia Lancha.

Sobre o autor

Posts Relacionados

  1. Nivaldo Costa Reply

    Parabéns pela iniciativa. Juntos venceremos.

Deixe um comentário

*