Dória recebe Brigagão, do Sindifranca, em audiência em São Paulo

Dória com Brigagão, sapato da Radamés

Dória com Brigagão, sapato da Radamés 

O prefeito de São Paulo, João Dória, recebeu o presidente do Sindifranca, José Carlos Brigagão do Couto, em audiência no Paço Municipal da capital paulista, na última quarta-feira (19/7). Em pauta, a pujança do setor calçadista de Franca e a doação de botas de segurança para a equipe da CET (Companhia de Engenharia de Trafego) da cidade de São Paulo.

Acompanhado de todo seu secretariado, Dória ouviu a exposição do projeto  de doação de 5.500 pares do produto. O Prefeito também avaliou as amostras apresentadas. A iniciativa conta com o apoio da Couromoda, da Assintecal (Associação Brasileira de Empresas de Componentes para Couro, Calçados e Artefatos), do CICB (Centro das Indústrias de Curtumes do Brasil) e da Calçados Kallucci. O prefeito de São Paulo agradeceu a iniciativa que responde a uma solicitação feita por ele no início do ano. Lembrou que a capital paulista é a maior consumidora de calçados do Brasil e que o pedido de ajuda mostra as dificuldades que cidade atravessa.

De acordo com a projeto, o CICB doaria o couro, a Assintecal forneceria os demais componentes necessários à confecção dos calçados e a Couromoda dividiria o custo de mão de obra com a Kallucci – empresa francana que irá realizar o serviço.

Carlos e Carlos Jr, da Kallucci, com Dória

Carlos e Carlos Jr, da Kallucci, com Dória

Carlos Luiz da Silva, sócio proprietário da Kallucci, disse se sentir honrado com o convite para participar do projeto. “Estamos há 26 anos no mercado como especialistas nesse tipo de produto e nossas botas são de alta qualidade. Estamos felizes em servir a cidade de São Paulo e unir o nome de Franca a iniciativas como essa”, disse o empresário. Segundo Silva, ainda não há data certa para a entrega dos produtos já que a produção depende do fornecimento da matéria-prima e componentes. “Depois que estivermos com os materiais em mãos, devemos concluir o pedido em 45 dias úteis”, disse ele.

Na oportunidade, o presidente do Sindifranca apresentou a dinâmica da produção calçadista, as dificuldades enfrentadas pelo setor e as ações para estímulo e desenvolvimento não só do polo francano, mas de toda a indústria brasileira. “É importante que o perfeito de São Paulo conheça a luta diária dos empresários pela sobrevivência, para manter esse país trabalhando”, disse Brigagão, que aproveitou para presentear Dória com um par de sapatos oferecido pela empresa francana Radamés.

Também participaram da reunião: Francisco Santos, presidente da Couromoda; Jérson José do Nascimento Júnior, diretor do CICB e presidente do Sindicouro; e Beatriz Pimentel, analista de relacionamento da Assintecal.

 
Fotos: Divulgação

Sobre o autor

Posts Relacionados

Deixe um comentário

*