Show no Municipal marca os 20 anos da EMIM

teatro-municipal

Uma releitura musical com repertório variado, envolvendo os principais nomes da música popular brasileira é o que poderá ser visto na noite dessa quarta-feira, no Teatro Municipal ‘José Cyrino Goulart’, a partir das 20 horas, marcando os 20 anos da EMIM (Escola Municipal de Iniciação Musical). A entrada será gratuita e a ansiedade de alunos e professores é grande e comum nas vésperas de apresentações, que tenham esse componente histórico, marcado por um modelo diferenciado de ensinar música, baseado na pedagogia da geração de autores da Educação Musical da primeira metade do século passado.

No mês, em que a cidade acaba de completar 192 anos, essa apresentação será o destaque com o show em que serão apresentados vários trechos dos musicais e temas exibidos em anos anteriores, voltados aos familiares dos alunos e público em geral. Segundo disse, nesta terça-feira, a diretora Márcia Crizol, aqueles que lá comparecerem vão assistir a uma releitura, contendo um pouco dos autores e compositores que foram estudados nos últimos anos.

Cerca de 160 alunos estarão se alternando no palco, a partir de um roteiro preparado com a participação dos educadores musicais. Um dos objetivos da apresentação é valorizar o aprendizado de alunos e ex-alunos, que no palco estarão, através da música, contando um pouco da história da escola, com  homenagens a grandes nomes da música brasileira, entre eles, Heitor Vila-Lobos, Milton Nascimento, Gilberto Gil, Bossa Nova e outros.

Ao longo, desses anos, foram realizados trabalhos marcantes, junto as crianças e jovens de todas as faixas sociais, que são atendidos, gratuitamente, com o objetivo de dar formação musical através do canto, percepção auditiva, ritmo, coordenação e expressão, além da iniciação à leitura e escrita musical, prática de grupo, iniciação à flauta doce, teclado, violão, guitarra, contrabaixo, cavaquinho, viola caipira, bateria, percussão, incentivando os alunos a desenvolver o gosto pela música, a apreciação e cultura musical e das artes em geral, priorizando a música brasileira em seu repertório.

Em 2012, a equipe de educadores musicais da EMIM produziu o livro didático “Feira Musical – Para tocar, cantar e dançar o que é nosso”, destinado a professores de artes e de música em geral, contendo propostas e sugestões de atividades para a sala de aula.

Um projeto para todos

A Escola Municipal de Iniciação Musical “Roberto Ambrósio Tupete” (EMIM) é um projeto da secretaria Municipal de Educação, surgido em 1996, que atende a 350 alunos, entre crianças e adolescentes, a partir de 8 anos de idade, oferecendo aulas de música no período contrário ao da escola regular. Após o curso, que tem duração média de três anos e meio, o aluno recebe o certificado de conclusão, e, em torno de 2.000 alunos que já concluíram o curso. É uma referência no país em termos de ensino musical.

Para atender aos alunos que já concluíram o curso e que desejam continuar sua prática musical e também aqueles alunos que demonstram interesse ou que se destacam, a escola criou alguns grupos especiais como: Banda de Pop-rock, Grupo de Samba, Grupo Instrumental de Violão, Orquestra Experimental, Viola Caipira e Coral Infanto-Juvenil, os quais estarão mostrando o seu talento na noite dessa quarta-feira.

Os cursos são ministrados com 9 educadores musicais, contando com o suporte administrativo de uma equipe composta por 4 funcionários administrativos, e a cada início de ano são oferecidas 160 novas vagas para alunos iniciantes. A Escola que, inicialmente, funcionou na rua Prudente de Morais, perto da Prefeitura, está instalada na Avenida Champagnat, 1808, segundo andar, sala 42, com o horário de atendimento das 7h30 às 11h30 e das 13h às 17h30.

Mais informações podem ser obtidas pelo telefone: (16) 3711-9250.

 

 

Foto/Reprodução: Marcos Limonti/GCN.net.br

Sobre o autor

Posts Relacionados

Deixe um comentário

*